Quinta-feira, 27 de Agosto de 2015

Bata, batom e bilhetes: Gran Canaria

 

A viagem correu bem, uma vez que os passageiros estavam em boas mãos...

P1110125.JPG ... as do piloto inglês que me tirou a foto!

 

P1110108.JPGAli, ao fundo, podem ver o alimento dos anjinhos: algodão doce. Sim, que eles para fabricarem nutella têm que comer alguma coisa.

  

Em Gran Canaria, começámos por descobrir a piscina. Enorme e com jacuzzi, e - ponto forte do hotel - acompanhada por imensos chapéus e espreguiçadeiras.

GOPR0427.JPG

Eu e ele no outro lado da rede, à esquerda. A especialidade dele? Fazer barreira. A minha? Descobri-a naquele dia: o serviço. E a nossa equipa venceu! Yeeyyyy!

 

GOPR0246.JPGPlaya del Inglés. O mesmo Atlântico, outra temperatura...

 

Foi nesta zona que ficámos alojados e tenho que dizer que a sua vertente exclusivamente turística nos surpreendeu. Nesta ponta da ilha, não encontramos casas que não sejam de férias e não há escritórios (excepto para aluguer de carros). Só aparthotéis, hotéis, bares... Enfim, apenas o que os turistas necessitam para passar ali uma semana em modo relax!

 

Caminhando um pouco mais para Sul, e passando por uma praia de nudistas, chegamos às Dunas Maspalomas, um deserto em miniatura na pontinha da ilha. 

   GOPR0296.JPG

 

Quase no fim da semana, depois de uma barrigada de praia e piscina, alugámos um carro e fomos à descoberta de outros locais.

GOPR0578.JPG

 

Pela via rápida, atravessando vários túneis, é possível chegar em 20 minutos ao Puerto de Mogán:

GOPR0516.JPG

GOPR0535.JPG

 

Bastam algumas horas para explorar esta localidade, onde a pesca predomina.

 

GOPR0548.JPG

GOPR0540.JPGPuerto de Mogán propicia escapadelas românticas e é apelidado de "Pequena Veneza". Merecerá de novo a minha visita, se depender da minha vontade.

    

GOPR0574.JPG

Playa de los Amadores. Não parámos, mas reparámos, a partir da estrada, na beleza do local. Esta é uma das duas únicas praias de areia branca (artificial) da ilha.  E eu quero MUITO ir para lá! Mais especificamente, para aqui. 15 dias. Posso, posso? Só preciso de um milagre económico: ganhar o euromilhões. (Mas um milagre dos grandes. É que nem sequer jogo.)

 

Na ponta oposta da ilha, a uns 60 km do hotel, está a capital: Las Palmas.

É lá que podemos ir à Playa de Las Canteras, a "Copacabana Europeia":

 GOPR0600.JPG

GOPR0605.JPG

Como já dizia o outro, "quero voltar para a ilha"!

      

publicado por BataeBatom às 10:23
link do post | favorito (3)
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


. ver BB

. seguir perfil

. 315 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #33

. Como quase sermos o que q...

. Art's friday #32 - Especi...

. Esta coisa do ano bissext...

. Como ter cabelo brilhante...

. Intermitências da vida

. Ser portuguesa é...

. Olhe, desculpe, isto é um...

. Porque raio querem levar ...

. Versão ikra-não-sei-quê d...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014