Segunda-feira, 18 de Agosto de 2014

Um amor inconveniente


Pequena e delicada, deixou-se encantar pela estatura forte dele.

Anseia abraçá-lo durante horas, até ficar com os braços dormentes. 

Mas o universo parece estar contra eles. Condena-os a uma relação quase bipolar, como se de ímanes se tratassem, ora com polos opostos, ora iguais. Por vezes, é tremendamente enorme a alegria com que se cumprimentam - a atração é incontestável. Mas logo de seguida, como se um dos polos se invertesse, há uma repulsa que os afasta com enorme brutalidade.

Este é daqueles amores condenados logo à partida. Ninguém o aceita. 

Ninguém.

E todos desejam que comece a haver uma repulsa contínua, sem encontros à mistura. 

publicado por BataeBatom às 15:00
link do post | comentar | ver comentários (24) | favorito (2)

. ver BB

. seguir perfil

. 315 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Eu e ele não somos almas ...

. O Bata&Batom deseja um fe...

. Constrangimentos pré-namo...

. Relação amor-ódio

. Apaixonados ou não?

. Um amor inconveniente

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014