Sábado, 19 de Julho de 2014

Hoje

Hoje não vou escrever acerca de leite cor-de-rosa. Nem testemunharei histórias divertidas. Por norma, não consigo afastar o sentido de humor ou o sarcasmo da minha escrita. Escrevo acerca do que me faz sorrir e sorrio acerca do que escrevo. 

Hoje não. Não tenho nada útil ou divertido para vos contar. Mas há algo que posso partilhar. Antes da bata e do batom, ela já cá estava.

Porque nunca falei dela, então?

Bem, porque não tenho o hábito de a verbalizar, é ela que me "verbaliza", através da fricção do arco nas cordas: as desafinações revelam se estou desconcentrada, as notas graves predominam em dias de conformação e as agudas nascem se é momento de arriscar. 

    

    

De manhã, a noiva entrou na igreja, caminhando com passos curtos para um grande passo.
A horas e quilómetros de distância, a vocalista dançará ao ritmo da música.
E eu acompanho-as, com o violino, nessas alegrias.

  

publicado por BataeBatom às 15:00
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


. ver BB

. seguir perfil

. 313 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #33

. Como quase sermos o que q...

. Art's friday #32 - Especi...

. Esta coisa do ano bissext...

. Como ter cabelo brilhante...

. Intermitências da vida

. Ser portuguesa é...

. Olhe, desculpe, isto é um...

. Porque raio querem levar ...

. Versão ikra-não-sei-quê d...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014