Terça-feira, 9 de Setembro de 2014

Acesso ao ensino inferior

Por norma, o acesso ao ensino superior está associado a manifestações daquilo a que chamo "ensino inferior". Como?

 
Enquanto os alunos rejubilam ou deprimem, consoante o curso e o estabelecimento que lhes deu vaga, alguns indivíduos comentam, de forma ignóbil, as notícias relacionadas com o assunto. E é através da leitura desses comentários que podemos aceder ao ensino inferior. Com declarações totalmente desprovidas de veracidade ou afirmações repletas de erros ortográficos, só posso concluir que a formação desses autores (alguns até mesmo com qualificações académicas) é, de facto, fraca.

    


Há uma facilidade acrescida em aceder ao ensino inferior através de comentários realizados às notícias que mencionam as notas de ingresso no curso de Medicina. Confesso que um dos impulsionadores da escrita deste post foi alguém que comentou uma dessas notícias, publicada pelo Semanário Sol.

 

E acho bem ! 90% dos estudantes ao concluir a universidade não sabem fazer um cv nem uma carta de motivação ! Isso é vergonhoso ! 90% escrevem um email como se tivesse no secundário”.


Errar enquanto se critica o erro de alguém é significativamente triste. E reflete os maus hábitos de grande parte da população.

Ignorando os restantes lapsos linguísticos, não pude deixar de alertar o autor do comentário para a importância de reaprender a distinção entre os verbos “ter” e “estar”.

 

publicado por BataeBatom às 11:07
link do post | comentar | ver comentários (32) | favorito
Segunda-feira, 8 de Setembro de 2014

Resultado:

Colocada.

 

4º ano do Mestrado Integrado de Medicina, Universidade de Coimbra.

 

A sério?! Fiquei colocada na 3ª opção?

  

 

É que a primeira era a aposentação.

E a segunda era o início da carreira médica.

    

publicado por BataeBatom às 23:04
link do post | comentar | ver comentários (26) | favorito
Domingo, 7 de Setembro de 2014

Ainda acerca de alargar horizontes…

 

Se na semana passada o fiz por meio de panoramas e viagens, nestes últimos dias aconteceu através de um encontro de equipa, que incluiu momentos de reflexão e de preparação de atividades para este novo ano letivo. Alarguei, deste modo, os meus horizontes culturais, sociais e espirituais. Esta foi a razão de ter estado ausente da blogosfera. (E de não ter visitado as salas de aula durante esta semana. Mas não contem a ninguém!).

 

Se habitarem na região de Coimbra, sugiro que espreitem a página de Facebook do SPES (Serviço Pastoral do Ensino Superior). Tal como eu, os estudantes da área da saúde poderão interessar-se particularmente pelas atividades do SPES_Saúde (que também tem uma página de Facebook).

 

 

 

Outra expansão de limites (desta vez blogosféricos), aconteceu através do destaque do post “Alargar horizontes... literalmente” e da presença da publicação “Dinheiro + capacidade cognitiva alterada =” na lista dos posts da semana. 

  

 

  

     Obrigada, equipa SAPO Blogs!

    

Não querendo abusar da expressão que dá nome a este post, tenho que partilhar convosco outra experiência em que isso - alargar horizontes - aconteceu. Só mais uma, prometo.

Ocorreu ontem, quando decidi (tentar) jogar matraquilhos. Devo ter considerado que os limites da caixa de madeira não correspondiam às minhas expectativas e, ao iniciar o jogo com o lançamento da bola para o campo, arremessei-a por cima da fronteira dos matraquilhos, atingindo a região púbica da minha adversária. Talvez eu necessite de acompanhamento oftalmológico.

     

publicado por BataeBatom às 22:00
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
Quarta-feira, 3 de Setembro de 2014

Fui fútil.

Fiquei interessada num livro pela capa.

Talvez tenha ficado cativada pelo brilho do espelho. Já estava prestes a pagar as compras, quando o avistei, pequeno e de encadernação apelativa, na banca assinalada com “Livros a 5€”. 

Passado o momento crítico em que me deixei levar pelas aparências, observei com mais cuidado e li “Cecelia Ahern”. (Muitos de vós devem conhecer: é a autora do livro “P.S. - Eu amo-te”, que deu origem ao filme com o mesmo nome.)


Os meus neurónios começaram a funcionar de forma inconveniente e a pular, enquanto gritavam em êxtase: “COMPRA, COMPRA!”. No entanto, resisti aos malvados, já que nem tempo tinha para ler a sinopse.

 

 

Em casa, já com mais calma, li a apresentação do livro e alguns comentários acerca do mesmo. A decisão foi fácil: comprar. 

E foi uma ótima escolha. Recomendo. Pena que tenha apenas dois contos...

 
Afinal, ser fútil até se pode revelar útil!

 

E já que hoje decidi falar de livros, aproveito para vos dar outra sugestão: conheçam a página de Facebook do escritor Miguel Alexandre Pereira, autor do fantástico blog "Um Mar de Recordações", e estejam atentos às novidades!

   

publicado por BataeBatom às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito
Terça-feira, 2 de Setembro de 2014

Ambições

Queres que o mundo gire à tua volta?
Requisitos: ser do sexo feminino.

 

   

Queres ter o mundo na mão?

Requisitos: ter mão.   

 

 
Queres ter o mundo a teus pés?
Requisitos: usar calçado prático ou gostar de ouvir David Carreira.
 
  
Queres escolher o ritmo a que o mundo se move?
Requisitos: ter uns sapatos horríveis, com vassoura incorporada.
  
    
publicado por BataeBatom às 11:00
link do post | comentar | ver comentários (34) | favorito (1)

. ver BB

. seguir perfil

. 309 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #33

. Como quase sermos o que q...

. Art's friday #32 - Especi...

. Esta coisa do ano bissext...

. Como ter cabelo brilhante...

. Intermitências da vida

. Ser portuguesa é...

. Olhe, desculpe, isto é um...

. Porque raio querem levar ...

. Versão ikra-não-sei-quê d...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014