Sexta-feira, 4 de Março de 2016

Art's friday #32 - Especial Grávidas

          

Se me obrigassem a escolher uma playlist para o parto - e, não, não estou grávida - acho que iria optar por uma lista de instrumentais. E porquê? São estes os meus argumentos:

 

Se for cantada por uma mulher vou pensar:

Sua $#5?$%&/, estás toda contente a cantar, não estás? Pois estás! Vê-se bem que não estás a parir!!!

 

Se for um homem, vou pensar:

Ó amigo, tu por acaso sabes o que é ter dores?! Não sabes nada da vida, rapaz!

 

Se for uma música estilo Deolinda Kinzimba também ficarei indignada:

Mas o que é isto? Estás a competir com os meus gritos?! Quem grita aqui hoje sou eu!!!

   

As grávidas com melhor feitio podem optar pela playlist resultante da parceria entre o Spotify e um obstetra nova-iorquino, Jacques Moritz.

 

 

Como se lê na notícia do DN, aparentemente "a playlist espelha a experiência do parto, começando com canções lentas e suaves, que depois fazem a transição para músicas com uma batida mais forte para quando é a altura de fazer força, concluindo com a Unaccompanied Cello Suite #1 de Bach, executada pelo legendário Yo-Yo Ma, para o momento em que a mulher vê pela primeira vez o bebé seu recém-nascido".

 

E agora desafio-vos a partilharem a vossa opinião:

  

 

A votação termina no domingo, dia 6 de março.

Bom fim de semana!

publicado por BataeBatom às 20:02
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito (1)
Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2016

Porque raio querem levar a placenta para casa?

        

placenta.png

Mas o que pode, afinal, motivar alguém a levar a placenta para casa? 

 

Cenário 1
Estou aqui na maternidade, acabei de ter um filho, o meu marido não me ajuda em casa e não tenho comida para o cão…
Hum, agora que penso nisso…… Dr., dê-me cá a placenta!

  

Cenário 2
Ah, diz que agora é moda comermos a placenta, faz bem e não sei quê…


Cara recém-mamã, isso é tão cativante como um arroz de cabidela feito com a hemorragia mensal que abençoa as mulheres. E que tal ter uma alimentação equilibrada e mais comum, fazer exercício físico e ter hábitos de sono adequados? Já temos aqui pano para mangas para sermos saudáveis, não nos transtornemos a comer restos do nosso corpo.

 

Cenário 3
É uma parte de miiiim e do meu bebééé, quero a placenta, vou emoldurá-la para pôr na minha mesa-de-cabeceira!


E porque não guardar as fraldas usadas? E a última menstruação? E a primeira depois do parto? E os restos da primeira vez que se corta as unhas ao bebé? Ah, pois, dessas é que ainda não se tinham lembrado! 'Bora lá comprar frascos e molduras.

 

Cenário 4
Gosto de fazer trabalhos manuais.


Por último, mas não menos interessante, há que realçar que podemos estar a falar de mamãs com jeito para as artes visuais e que, portanto, queiram fazer uma pintura (carimbando com sangue a forma da placenta) ou até mesmo um… urso. Sem comentários.

       

publicado por BataeBatom às 19:28
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito (3)
Segunda-feira, 6 de Outubro de 2014

Teoria da batata

"A minha mãe disse-me que se não quisesse engravidar que deveria colocar uma batata lá para dentro. Acreditei nela", sustentou a jovem à imprensa colombiana. (Lido nesta notícia) 

 

Muito bem pensado! Quase tão eficaz quanto a abstinência é a obstrução do canal vaginal! 

Se colocarem na vagina uma batata ou qualquer outro alimento em vez de uma extremidade-masculina-com-capacidade-de-fertilização, é certo que não engravidam.

Infelizmente, este método contracetivo não foi completamente eficaz, pois resultou no desenvolvimento de um ser vivo no aparelho reprodutor da rapariga. 

A batata germinou e as raízes instalaram-se no colo do útero.

 

publicado por BataeBatom às 08:31
link do post | comentar | ver comentários (52) | favorito

. ver BB

. seguir perfil

. 313 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #32 - Especi...

. Porque raio querem levar ...

. Teoria da batata

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014