Quarta-feira, 9 de Setembro de 2015

Como quase ficar convertida ao runnerismo

   

Entrei numa loja de desporto e quase fui seduzida pelas sapatilhas coloridas, fofas, com memory foam e todas as outras tecnologias de conforto podálico. Isto tudo associado a descontooossss! Sim, quase me converti.

 

Estive prestes a comprar uns novos ténis para correr, - porque aqueles eram todos XPTO, com gel no calcanhar e blá, blá, blá - quando na realidade nem corro (na melhor das hipóteses, dou uso à minha bicicleta umas 2 vezes por mês). Pensei ainda no argumento das urgências de 24h, mas não, não é válido: ainda nem acabei o curso.

 

Ai, mas aquelas New Balance em tons de azul turquesa! Experimentei-as, mirei-as com vaidade e lá me recordei que já tenho umas boas sapatilhas, que nem nos trilhos do Gerês me desapontaram.

 

Como rapariga comprometida e fiel, deixei de fazer olhinhos aos ténis marotos e fui passear pela zona do vestuário. Engracei com alguns calções, mas a verdade é que não estou a precisar. Até que fui ver as calças...

 

Resultado: depois de tantos cenários idílicos de corrida, tantas expetativas de mudança dos meus hábitos desportivos, tantas ilusões com coloridas peças de vestuário... comprei umas calças para estar em casa. Daquelas largas e com interior em moletão. Daquelas para ver séries no sofá, enquanto chove lá fora. Sou tão runner, não sou?

    

publicado por BataeBatom às 20:38
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito (3)

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Como quase ficar converti...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014