Terça-feira, 15 de Setembro de 2015

Sobre os livros de colorir para adultos

 

Diz que está na moda é benéfico pintar mandalas. Também lhes acho piada e tentei desenhar uma coisa dessas.

  
Mas será que desenhar se verifica tão terapêutico como pintar?

Sim, qualquer atividade que substitua o ato de cuscar a vida dos outros e partilhar cenas fúteis (adornadas por centenas de hashtags) nas redes sociais tem potencial para proporcionar um estado zen. Dito isto, pintar, desenhar, observar, cortar ou até mesmo lamber mandalas pode promover o bem-estar, desde que não haja Facebooks & Companhia por perto.

    

mandalas.jpg Imagem original aqui

 

Curiosamente, depois de se instalar esta tendência dos livros de colorir para adultos, surgiram duas dúvidas entre a comunidade infantil:

 

1) "Onde estão os meus lápis de cor?"
2) "E as canetas de feltro?
"

 

publicado por BataeBatom às 19:16
link do post | comentar | favorito (3)
16 comentários:
De golimix a 15 de Setembro de 2015 às 20:22
Olá.
Tudo bem?

Ainda há uns dias falei sobre o tema
http://golimix.blogs.sapo.pt/para-todas-as-idades-139414
Pode, se facto ser benéfico, e concordo contigo nessa de substituir os faceCoisos e Hashcoisas, mas não te parece estranho essa de livros de pintar sem gosto algum?
De Gi a 15 de Setembro de 2015 às 20:26
Não fazia ideia de que exitiam nem dos seus benefícios. Acho que vale a pena experimentar :)
De Ana✿ a 15 de Setembro de 2015 às 20:51
Também já falei sobre isto hehe
De M* a 15 de Setembro de 2015 às 21:26
desconhecia tais efeitos. acho que estou a precisar de um livro desses :)
De Entrelinhas a 16 de Setembro de 2015 às 00:46
Também já falei disto... E sempre fui fã e continuo a ser! É do melhor para acalmar e passar o tempo!
De marrocoseodestino a 16 de Setembro de 2015 às 05:09
Nunca fui muito de pintar, mas quem sabe a coisa não me fazia bem?
Preciso de algo que me faça relaxar que a coisa tem andado demasiado agitada.
De Ana a 16 de Setembro de 2015 às 10:27
Comprei um a pensar que ia adorar mas fartei-me logo
De Lis a 16 de Setembro de 2015 às 11:09
Nunca me deu para expwrimentar....

L*
De r i t i n h a a 16 de Setembro de 2015 às 16:28
Também já falei sobre este tema, já comprei o meu livrinho e já pintei bastante. Adoro, e acho bem relaxante =)
De A rapariga do autocarro a 16 de Setembro de 2015 às 18:40
Não gosto de mandalas, acho-as confusas, então quando estive em Paris em Maio descobri que por lá há centenas de ofertas! várias revistas semanais, prateleiras de livros a perder de vista, ainda trouxe 3, mas não fosse o limite de peso na mala e teria trazido uns 10! Cá também já começa haver um bocadito mais de oferta, quando comprei o primeiro livro, só havia 4 diferentes! 3 eram mandalas!

Comentar post


. ver BB

. seguir perfil

. 317 seguidores

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #33

. Como quase sermos o que q...

. Art's friday #32 - Especi...

. Esta coisa do ano bissext...

. Como ter cabelo brilhante...

. Intermitências da vida

. Ser portuguesa é...

. Olhe, desculpe, isto é um...

. Porque raio querem levar ...

. Versão ikra-não-sei-quê d...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014