Domingo, 25 de Outubro de 2015

Prooonto, eu conto!

  

A noite passada teve mais uma hora (uuuh!) e tenho a CERTEZA que vocês estão ansiosos para saber como a aproveitei. Como prosseguiríamos, aliás, as nossas vidas sem esta informação, certo?! A Rádio Comercial perguntou e eu, rapariga simpática e com bons modos, respondo:

 

IMG_201510297_093035.jpg

Livro (fácil e aconchegante) da Nora Roberts + Chá de limonete

 

Na verdade, a minha hora extra ficou reduzida a aproximadamente 57 minutos, para poder tirar a foto. A primeira ficou tremida. Na segunda, via-se o chão, ao lado do sofá (que falta de chá não saber enquadrar o cenário, por muito chá que apareça na foto). A terceira, tremida. Vá, BB, tu consegues, despacha-te antes que entornes essa porcaria. E surgiu, então, uma imagem medíocre.

 

Com a noite mais longa, é menor o peso na minha consciência por ter devorado 176 páginas, em vez de estudar para a avaliação de Reumatologia de amanhã.

 

E vocês, o que andaram a fazer?

#bbcusca

 

publicado por BataeBatom às 10:16
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito (3)
Quinta-feira, 22 de Outubro de 2015

A BB, as luvas e a vaselina

    

Para além do parto, participei recentemente noutros acontecimentos clínicos extremamente... interessantes.

 

Ora, estava nas consultas de urologia, quando o médico deu a entender que eu teria de fazer um toque retal a um senhor.

 

  [Pausa para imaginar as vossas caras aterrorizadas.]

 

Não sendo o procedimento mais apelativo de sempre, fiquei agradada quando vi que a caixa de luvas se encontrava quase vazia.

 

- Só o Dr. X poderá fazer o toque retal... – disse-lhe eu, sem esconder o sorriso de contentamento.

 

Foi então que a minha alegria sumiu: o médico apressou-se a chamar a enfermeira Y, pedindo-lhe mais luvas, e entregou-me um tubo de vaselina.

 

- Não quero que te falte nada! - afirmou.

(Façamos de conta que o tom jocoso foi impressão minha.)

 

E viveram infelizes para sempre. A BB, as luvas e a vaselina.

    

publicado por BataeBatom às 18:17
link do post | comentar | ver comentários (35) | favorito (2)
Sexta-feira, 16 de Outubro de 2015

Art's friday #29

  

Tão bom ou melhor do que ir ao concerto dos Muse é ver na TV, com orgulho, um amigo dos tempos de escola. Sempre se destacou como aluno exemplar e, atualmente, também estuda Medicina em Coimbra. Mas foi a música que nos aproximou, levando-nos em conjunto ao palco das festas da escola e ao conservatório de música. (Ah, ainda não disse que, para além de cantar extraordinariamente bem, o rapaz toca flauta transversal. E piano. E guitarra. Pouco talentoso, portanto.)

 

12138315_1246498378709740_3100301470143781917_o.jp   

A voz do Luís Baptista não tardou a ser reconhecida a nível nacional, aquando da sua participação no programa Uma Canção Para Ti, em 2009, chegando mesmo à final do concurso. Já cantou ao ritmo de beatbox e associou-se a um Coro Gospel da República Checa. Mas a sua mais recente parceria foi estabelecida com Marisa Liz, graças à sua participação no programa The Voice.

  

   

Se também ficaram fãs do Luís, deixem aqui um “Gosto” e acompanhem o seu percurso neste novo projeto!

  

 

publicado por BataeBatom às 11:21
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito (3)
Domingo, 11 de Outubro de 2015

Nem só as personagens da Disney vivem felizes para sempre...

 

Aparantemente, o talento de quem lhes dá voz também se mantém intacto para sempre. Ou, pelo menos, durante 23 anos.

 

   

Clicar na notícia para ler mais:

Aladdin.png 

publicado por BataeBatom às 16:44
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito (2)
Sábado, 10 de Outubro de 2015

Assisti a um parto

 

1 - WOOOW, vou assistir a um parto, vou assistir a um parto, VOU ASSISTIR A UM PARTO!

2 - Ahhh, que engraçado, já se vê a cabecita a espreitar!

3 - Ups... Não está a passar e vão ter que fazer um corte lá em baixo. Já não está a ser assim tão engraçado!

4 - “FORÇAAA”!

6 - Puxam a cabeça do bebé - parece que se vai desmontar do corpo a qualquer momento - e, de repente, sai cá para fora uma criatura pequena e frágil, a uma velocidade considerável. IUPI! NASCEU!

7 - Sorrio ao testemunhar a felicidade dos pais e controlo-me para não deixar escapar lágrimas pouco profissionais.

8 - Chegou, depois, a fase de contemplação. Os bebés passam MEEESMO lá em baixo. E eu vi…… Hummmm…

Não, não, não… Não estou a sentir o chamamento da maternidade. Aliás, acredito que o meu relógio biológico lá de baixo ficou avariado.

 

Broken-clock.jpg               

publicado por BataeBatom às 14:28
link do post | comentar | ver comentários (28) | favorito (9)

.facebook

Bata&Batom no Facebook

.pesquisar

.posts recentes

. Art's friday #33

. Como quase sermos o que q...

. Art's friday #32 - Especi...

. Esta coisa do ano bissext...

. Como ter cabelo brilhante...

. Intermitências da vida

. Ser portuguesa é...

. Olhe, desculpe, isto é um...

. Porque raio querem levar ...

. Versão ikra-não-sei-quê d...

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.arquivo

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014